BDSM para Leigos.

estive afastado do BDSM por um bom tempo por conta de minhas obrigações baunilha, em minha volta me deparei com uma nova realidade, o BDSM relativamente organizado do ORKUT não existe mais, muita gente entrando no meio sem saber realmente o que é…

Por isso resolvi escrever esse post, bem básico, aliás super-básico tentando explicar, de forma extremamente simples, o que é o BDSM.

O BDSM é um padrão de comportamento sexual que abrange uma séria de fetiches e fantasias, o nome BDSM é um acrônimo para Bondage e Disciplina, Dominação e Submissão, Sadismo e Masoquismo. Que são os principais fetiches (ou grupo de fetiches) relacionados a ele.

De forma simplificada é possível dizer que o BDSM tem o intuito de trazer prazer sexual através da troca erótica de poder, que pode ou não envolver dor, submissão, tortura psicológica, imobilização, humilhação,  cócegas e outros meios.

Por padrão, a prática é provocada pelo(a) Dominador(a) e sentida pelo(a) Submisso(a). Muitas das práticas BDSM são consideradas, num contexto de neutralidade ou não sexual, não agradáveis, indesejadas, ou desvantajosas.

Por exemplo, a dor, a prisão, a submissão e até mesmo as cócegas   são, geralmente, infligidas nas pessoas contra sua vontade, provocando essas sensações desagradáveis. Contudo, no contexto BSDM, estas práticas são levadas a cabo com o consentimento mútuo entre os participantes, levando-os a desfrutarem mutuamente.

O conceito fundamental sobre o qual o BDSM se apóia é que as práticas devem ser SSC (São, Seguro e Consensual).

Atividades de BDSM não envolvem necessariamente a penetração mas, de forma geral, o BDSM é uma atividade erótica e as sessões geralmente são permeadas de sexo.

 O limite pessoal de cada um não deve ser ultrapassado, assim, para o fim de parar a sessão/prática, é utilizada a SAFEWORD (palavra de segurança)que é pré-estabelecida entre as partes.

IMPORTANTE: apesar da conotação sexuale star implícita no BDSM, bdsm não é sexo, BDSM é RELACIONAMENTO, é CONFIANÇA e RESPEITO.

Interessada em saber mais? Pergunte.

 

Anúncios